Zagreb - A cidade de um milhão de corações

Zagreb é a capital da Croácia e a maior cidade do país. Diversas vezes a cidade é excluída dos roteiros, principalmente durante o verão, quando o foco acaba sendo mesmo no litoral do país. Mas, de fato, eu recomendo que, se você tiver dias suficientes nas suas férias, você reserve pelo menos um dia para Zagreb.

A capital da Croácia é uma cidade super gostosa de passear. Ela é plana, super arborizada e cheia de cafés e restaurantes. Visitar Zagreb é realmente entender um pouco mais sobre os croatas. A capital mostra muito como os croatas gostam de levar a vida, na maioria das vezes de forma leve, ao lado dos amigos e acompanhado de um bom café.

 

 

Há diversas opções para chegar a Zagreb, entre elas avião, trem e ônibus. Você pode conferir as diversas opções em detalhes e com mais dicas no nosso post sobre transporte na croácia.

Pra quem viaja para Zagreb de trem, a chegada a capital é muito bonita. Logo ao sair da estação principal (Glavni Kolodvor), você dá de cara com gramado lindo e florido com o Pavilhão das Artes ao fundo. A esquerda o glamuroso prédio do Hotel Esplanada 5*, confirma que de fato, você está em uma capital europeia.

 

Logo na frente da estação há opções de táxis e os famosos bondinhos elétricos, a melhor forma de se locomover pela cidade. Os bondinhos azuis são chamados tranvaj e os tickets podem ser comprados nas bancas de jornal ou com o próprio motorista na parte da frente do trem. Em 2018 o ticket está custando 4kn (mais ou menos R$ 2,15) e no centro de Zagreb não circulam ônibus, apenas esses bondinhos.

Saindo da estação central você já vai conseguir ver a sua frente as torres da catedral, e é nessa direção que você deve seguir para chegar ao centro do país. Passe pelo prédio amarelo do Pavilhão das Artes, e se tiver alguma exposição bacana, não deixe de visitar. Continue na mesma direção, basta seguir o “caminho verde”, cheio de jardins e flores – claro, se for verão!

Você vai chegar até a praça Zrinjevac, bem arborizada, com uma fonte e um coreto bem no centro. Durante o verão e a primavera diversos concertos, shows, apresentações e eventos acontecem nesse local. Na época do Advento, período que antecede o Natal, esse é também um dos principais pontos, cheios de barraquinhas de comida, artesanato e souvenirs.

 

Continue por mais uma quadra e você chegará a Praça Ban Jelačić, a praça principal de Zagreb e do país. Sim, é ali que tudo acontece! Shows abertos ao público, contagem do Ano Novo, Natal, feiras orgânicas, feiras de livros, feiras de artesanato e muito mais. No canto direito há um grande centro de informações ao turista. Então, se você estiver buscando mapas para explorar a cidade sozinho, recomendações de restaurantes, bares, ou acomodação, vale dar uma passadinha por lá.

Se você continuar em direção a catedral, você vai passar pela maquete da cidade e por diversas lojas de souvenirs. Se você estiver buscando um imã de geladeira essa é uma boa parada. Logo você vai chegar em frente a belíssima catedral de Zagreb. A catedral é o maior prédio do país e sempre será. Isso porque é contra a lei construir qualquer construção mais alta que a catedral da capital. A entrada do prédio é riquíssima de detalhes, vale a pena dar uma olhada com calma. Dentro você vai se impressionar com o tamanho e a altura da catedral. A construção de estilo gótico, é dedicado à Assunção de Maria e aos reis Santo Estêvão e São Ladislaus.

Dica Marzito: Se você estiver em busca de um cartão postal bacana, dentro da catedral eles tem alguns muito bonitos, inspirados nos vitrais da igreja.

 

Atravesse a rua da catedral e siga para o Mercado Dolac, a “barriga de Zagreb”. Até as 13h por ali você irá encontrar centenas de opções de frutas, legumes, verduras, iguarias e flores. Esse é o principal mercado da cidade, é a grande feira livre do país. As frutas são sazonais por aqui, por isso, dependendo da época do ano em que você estiver visitando eu super recomendo que você prove: morangos, klementina (são como pequenas mexiricas, bem docinhas e sem caroço), figos, framboesa, mirtilo e cerejas. Durante todo o ano você pode experimentar e levar pra casa mel, frutas secas, e frutas cristalizadas.

Existe todo um mundo à parte, na parte debaixo do mercado. Apenas siga pelas escadas ao redor do mercado e você vai encontrar algo parecido – guardando as devidas proporções – ao Mercadão de São Paulo. São diversas lojinhas com queijos, carnes defumadas e frescas, e diversas outras opções.

 

Continue o passeio pela rua Tkalčićeva. Ela é repleta de cafés, restaurantes, bares e algumas lojinhas. A Tkalčićeva é a rua de badalação no centro de Zagreb. É por ali que os jovens se reúnem para assistir aos jogos da Copa do Mundo, aproveitar os longos dias de verão e fazer happy hour.

Por ali eu recomendo experimentar as cervejas da cervejaria Mali Medo (Pivnica Mali Medo). Eles tem diversas opções de cervejas artesanais deliciosas e há até uma opção de “tábua de cervejas”onde você paga 35kn e experimenta 7 tipos diferentes de cerveja. Eles também servem comida. As porções são bem generosas e bem croatas, cheias de carne e cebola. Se você quiser provar um pouco mais da comida típica, eu recomendo.

Da Tkalčićeva comece a subir. Isso mesmo, o centro de Zagreb pode ser dividido em Cidade Alta e Cidade Baixa. Passe pelo portão de ferro, com um santuário dedicado a Virgem Maria, e não deixe de dar uma olhada nos modelos maravilhosos de casacos, vestidos e peças da Boutique Dora, que desde 1986 veste as mulheres croatas.

 

Ao chegar a Cidade Alta você vai encontrar a igreja mais fotografada da Croácia, a Igreja de São Marcos. A igreja fica na praça de mesmo nome e é nessa praça que a vida política do país acontece. A Praça de São Marcos abriga o Parlamento Croata e alguns outros prédios do governo. Quando há a posse do presidente do país, é ali mesmo, em frente a Igreja que a cerimônia acontece.

Siga da praça do governo em direção a Torre Lotrščak (Kula Lotrščak) que todos os dias, ao meio dia, dispara um BUM, que simula um canhão. Para quem quiser dá pra subir na torre, mas a vista mesmo ali debaixo já é bem bacana, e dá pra ver os principais pontos de Zagreb. Antes de chegar ao pé da torre, não deixe de reparar no primeiro e único Museu dos Corações Partidos (Museum of Broken Relationships), um museu super diferente.

 

Saindo da torre você pode começar a descer novamente em direção a Cidade Baixa. Sugiro que você desça pelo lado esquerdo porque eu acho que um dos pontos mais bonitos para fotos está nessa descida. Logo antes da escadaria, à direita, você terá a vista da catedral e de uma igreja menor, com Zagreb ao fundo. Esse é um dos meus pontos favoritos na cidade.

Descendo você vai chegar na rua Radiceva. Essa rua é super bacana porque tem algumas lojas de produtos super autênticos. Há lojas de designers e estilistas croatas (Nebo); de artigos croatas em couro; de geléias, azeites e delícias nacionais (Dida Boza); obras de arte, pinturas, esculturas e mais.

Chegando novamente a praça principal, Ban Jelačić, se você estiver a fim de umas comprinhas siga para a direita e perca-se na Ilica, a rua mais longa de Zagreb. A Ilica tem diversas lojas de fast fashion, sapatos e bolsas. Ao chegar na rua Frankopanska, que termina na Ilica, siga por ela até chegar no Teatro Nacional (HNK). Se você tiver mais tempo na cidade veja quais peças e espetáculos estão em cartaz e não perca a chance de visitar essa maravilhosa obra arquitetônica de 1836 dos arquitetos vienenses Ferdinand Fellner e Herman Helmer.

Se você decidir não ir pela Ilica, você pode continuar em direção a Praça das Flores. A praça e todo o seu entorno tem diversos cafés, lojas, livrarias, restaurantes e até um mini mall, com lojas de fast fashion. Não perca a oportunidade de visitar a igreja ortodoxa que fica bem no centro da Praça das Flores, ela é belíssima.

Zagreb onde comer e beber

Aqui vão algumas dicas de quem vive por aqui há alguns anos e já experimentou de tudo um pouco nesses lugares.

Bem próximo a catedral está a doceria Amélie. Eles tem, na minha opinião, as melhores sobremesas da cidade. Eu recomendo o bolo da casa, Amélie, mas os sorvetes também são famosos. O lugar é pequenininho dentro, mas há também um terraço na frente que é uma delícia no verão.

Quase em frente a estátua de Nikola Tesla, próxima a Praça das Flores, eu sugiro a hamburgueria Burgueraj. Eles têm uma seleção pequena no cardápio, mas são bem gostosos. Na mesma rua, Nikola Tesla, tem um restaurante de peixe que além de ser uma delícia tem uma decoração super original, Ribice i tri tockice. 

Ainda na rua Nikola Tesla você vai encontrar diversos restaurantes bem bacanas. também sugiro o Vinodol, e o Boban, próximo a rua Nikola Tesla, na zona de pedestres ao lado do Hotel Dubrovnik. 

A doceria Vincek, na Ilica, é bem famosa pelos sorvetes, mas a dica mesmo é sobre a “doceria irmã” da Vincek, a Vis a Vis. Essa doceria ao pé do bondinho mais rápido e mais curto do mundo (Uspnjac) é especializada em sobremesas sem glúten, e com açúcar mascavo, e apenas estévia e xarope de agave são usados como edulcorantes. Eles também costumam usar apenas arroz e leite de soja nas receitas. E, recentemente, eles ainda adicionaram no cardápio bolos sem ovos ou leite de vaca, bolos veganos e bolos crus (preparados sem processamento térmico, com base em castanha de caju, amêndoas, frutas e xarope de agave). Uma boa dica pra quem quer experimentar alguma coisa diferente ou para quem tem alergias ou intolerância alimentar.

Se você curte vinhos, não deixe de visitar a adega e barzinho Bornestein, em Kaptol, na rua da Catedral. Eles tem diversas opções de vinhos nacionais deliciosos.

Na rua Tkalciceva você vai encontrar diversa opções. Tem o já citado Mali Medo, com boas opções de cerveja e porções bem servidas. O restaurante Agava também é um dos mais recomendados e fica super bem localizado. Se você está em busca de restaurantes mais em conta na rua Skalinska, bem estreitinha, que dá na Tkalciceva, você encontra o restaurante Nokturno e o La Štruk, a melhor pedida se você quer provar um prato tipicamente de Zagreb. 

 

Compras em Zagrebe

Claro que tudo depende do que você está buscando, mas eu fiz aqui um compilado de dicas pra você se conseguir encontrar aquilo que quiser de uma maneira fácil. De souvenirs a marcas renomadas.

Se você está em busca de souvenirs toda a região de Kaptol está repleta de lojinhas. Por ali, com certeza você vai encontrar um imã de geladeira bacana; licitarsko srce (os corações tradicionais de Zagreb); canecas, camisetas, bandeiras, bolsas, CD’s e DVD’s, uniformes de futebol e diversas lembranças mais comuns.

Se você quer comprar roupas, bolsas, sapatos, maquiagem ou acessórios de marcas internacionais ou fast fashion você vai encontrar a H&M, MAC, Douglas e LOccitane na Praça das Flores. Outras lojas como a Zara, Springfield, Women’s Secret, Adidas, Carpisa, Swarovski, entre tantas outras você vai encontrar na rua Ilica.
Se você estiver mesmo em busca de algo específico Zagreb tem diversos shoppings, mas nenhum deles fica no centro. Os grandes shopping malls são acessíveis de carro ou transporte público. Os mais fáceis de chegar são o Avenue Mall e o Arena Centar.

Agora, se você estiver em busca de presentes ou lembranças mais autênticas de Zagreb e da Croácia, sugiro que você busque em alguma das diversas lojas com produtos locais. Nas já mencionadas: Boutique Dora, Nebo e Dida Boza você vai encontrar produtos nacionais bem diversificados de roupas e acessórios até geléias, azeite de oliva, biscoitos e etc. Vale dar uma explorada nas lojinhas da rua Radiceva, próxima a Tkalciceva, pra ver se você encontra alguma coisa bacana.

Outra opção é a loja Croata, uma loja especializada em gravatas, dentro do Octógono, na Praça das Flores. A KRAŠ na rua Ilicia e também na praça central Ban Jelacic, é a loja de chocolates mais tradicional da Croácia.

Na rua Petrinjska, paralela a praça/parque Zrinjevac, há também algumas opções legais. A Petrinjska 7 tem peças de designers croatas e italianos e a joalheria Sovilj, logo na esquina com a rua Amruseva, vai te deixar babando com as peças maravilhosas do designer Nenad Sovilj. Tá aí uma boa recordação inesquecível da Croácia.

 

Passeios de Zagreb

A grande parte do centro da cidade pode ser feita a pé e durante um dia, mas se você tiver mais tempo na cidade eu super recomendo esses passeios de um dia.

Parque Nacional dos Lagos Plitvice

Ístria – Hum, Motovun e Caça as trufas 

Ístria – Hum, Motovun e Opatija

Ístria – Hum, Motovun e destilaria

Trakošćan e Varaždin

Ljubljana e Lago Bled

Ljubljana e Cavernas de Postojna

 

Zagreb Croacia was last modified: março 21st, 2018 by Marilia Oliveira

Pin It on Pinterest

Share This