Montenegro Turismo - O segredo dos Balcãs

Montenegro é uma jóia ainda não descoberta na região do mar Adriático. Se você está em busca de praias com mar azul cristalino;  casinos, antigas cidades pitorescas, e natureza preservada; você encontrou seu próximo destino. Como se não fosse o suficiente, Montenegro também possui quatro lugares que fazem parte da lista de Patrimônio Mundial. Além disso, você pode contar com excelentes preços! Não é paraíso? Descubra no nosso texto, os melhores destinos que Montenegro tem para oferecer, e planeje suas férias perfeitas!

O que visitar?

Selecionamos o melhor de Montenegro pra ajudar você a elaborar um super roteiro.

Praias

Se você está em busca de sol e água fresca, você já encontrou! Confira aqui a nossa lista das melhores praias em Montenegro.

Também vale a pena visitar

Se você tiver mais tempo no país, também vale incluir esses lugares no seu roteiro.

Informações úteis

Antes de viajar para Montenegro fique por dentro das informações básicas so país. Idioma local, moeda oficial, vistos e etc.
O calçadão de Kotor

A Montanha Negra

Montenegro significa “Montanha Negra” e o país está cheio de picos e fiordes. Zla Kolata é a montanha mais alta do país, na fronteira com a Albânia. O lugar mais visitado do país é, definitivamente, a Baía de Kotor. A geografia é incrível! A Baía de Kotor é exato ponto onde a planície para abruptamente, e Monte Lovćen e Monte Orjen mergulham no Mar Adriático, formando a entrada da Baía de Kotor. De fato, Montenegro tem de tudo e é por isso que o país é perfeito para os mais variados tipos de visitantes. Você vai encontrar desde um litoral pitoresco com cidades medievais de pedra, até uma região super montanhosa com natureza intocada. A costa do Adriático montenegrino tem 72 km de praias, com muitas baías de águas calmas e cidades antigas bem preservadas.

O que visitar em Montenegro?

As principais atrações ao longo da costa norte do país são a cidade antiga de Herceg Novi e a cidade medieval de Kotor. Na Baía de Kotor, você tem as pequenas cidades de Perast, Budva e Sveti Stefan. A costa de Budva tem 21 km de extensão e 17 praias. Confira abaixo quais você não pode perder.

Uma praça com casas velhas em Kotor

Kotor – A estrela do turismo Montenegrino

A cidade velha de Kotor com suas antigas casas de pedra é um dos tesouros do turismo em Montenegro. A atmosfera da cidade é bem medieval e você vai se sentir como se tivesse viajado no tempo. Não deixe de visitar as igrejas da cidade, elas são bem pequeninas e muito bonitas, bem diferente das igrejas mais tradicionais em outros pontos da Europa. Uma das grandes atrações da cidade é a infinidade de degraus no final da cidade medieval que o levarão quase ao céu. Brincadeiras a parte, a subida é bem cansativa, mas ao chegar no topo você terá a visão de toda baía e eu garanto que vai valer a pena!

Perast

A poucos quilômetros de Kotor está a cidadezinha de Perast, parada obrigatória para os viajantes religiosos. Perast abriga duas ilhotas próximas, Nossa Senhora das Pedras/Rochas e São Jorge. A ilha de Nossa Senhora das Pedras é uma ilha artificial, resultado de um baluarte de rochas e navios afundandos, carregados de pedras. A Igreja Católica Romana de Nossa Senhora das Pedras é o maior edifício do ilhéu. Além da Igreja há também um museu em anexo e uma pequena loja de souvenir. Para chegar à ilha, é preciso pegar um dos pequenos barcos que ficam ancaorados na costa, quase em frente as ilhas. A outra ilhota, São Jorge, não está aberto para os visitantes.

Uma igreja de pedra na ilha

Montenegro praias

Espero que você tenha tirado dias suficientes para as férias porque a lista de lugares que você precisa visitar em Montenegro, está prestes a aumentar! Especialmente durante o verão recomedamos que você visite essas regiões e praias Ulcinj, Budva, Jaz Beach, Buljarica, Velika Plaža e Ada Bojana.

Uma rocha saindo do mar

Mogren Beach – Lá vem o sol!

Este lugar deslumbrante tem duas praias de 350 metros de comprimento, conectadas por um pequeno túnel. Você pode chegar à praia de Mogren a pé, vindo da cidade antiga de Budva que fica a mais ou menos 150 metros. Além da incrível cor azul do mar Adriático, esta é uma praia de areia, coisa rara por aqui. Mogren Beach é famosa também por ter uma ótima exposição solar, ou seja, perfeita para pegar aquele bronze à beira do Mar Adriático.

Jaz Beach – O local para os amantes de música

Perto de Budva, esta praia é composta por duas partes. Uma praia comum e uma praia de nudismo. Além das praias maravilhosas o local também é conhecido por quem curte acampar porque há uma infra-estrutura de camping bem bacana. A praia também recebe muitos festivais de música durante todo o verão e, por isso, é a preferida dos amantes de música e da galera mais animada.

Um trilho de madeira que vai para o mar

Velika Plaza – O paraíso do kitesurf

Velika Plaza significa “grande praia” e é tudo o que o nome indica. É uma praia de areia com 12 km de comprimento. A praia mais longa em Montenegro e uma das mais longas da Europa. O local costuma ter água rasa e morna e, durante as tardes de verão, fortes ventos cruzados quase todos os dias. É por isso que este é o local preferido dos iniciantes de kitesurf.

Ada Bojana

Ada Bojana é uma ilha criada pela formação do delta do rio Bojana. A ilha tem uma forma triangular e está rodeada ao mesmo tempo pelo rio, e pelo mar Adriático. O rio Bojana é a única coisa que separa Ada Bojana de Pulaj e Velipojë, no território albanês. A localização é um destino turístico popular, com 3 km de praia. Você também encontrará muitas opções gastronômicas, principalmente de frutos do mar locais. A praia também é excelente para kitesurf, windsurf e acampamento.

Lugares que também vale a pena incluir no roteiro

Tem mais tempo em Montenegro? Então não deixe de incluir esses lugares na sua lista. Garantimos que você não vai se arrepender!

Budva – Budva Riviera um sonho de lugar

A Riviera de Budva pode ser considerada o centro do turismo em Montenegro. Famosa por sua cidade medieval murada, praias de areia com água azul cristalina e vida noturna. A cidade de Budva tem aproximadamente 2.500 anos, sendo um dos assentamentos mais antigos da costa do Adriático. A cidade antiga de Budva também é conhecida como “mini Dubrovnik“, em referência ao país vizinho, a Croácia. Toda a cidade antiga está cercada por muralhas de defesa. As fortificações de Budva são típicas das cidades medievais muradas do Adriático.

Uma estatua de mulher com a cidade de Budva ao fundo
A cidade velha de Budva com casas de pedra

Herceg Novi

Herceg Novi é famosa por abrigar diversos spas e centros de saúde. Perto de Igalo, há uma “lama do mar”, o”igaljsko blato”, considerada curativa. A região também tem diversas fontes de água mineral, as “igaljske slatine”. Além das atrações curativas, Herceg Novi tem o Castelo de Forte Mare, com a torre do relógio, a torre Kanli e a igreja sérvia de São Miguel Arcanjo, na praça central de Belavista. A maioria das praias nesta área são acessíveis apenas por barco. Você pode encontrar passeios de barco de um dia para a península de Luštica saindo do porto da cidade. As praias mais populares da península de Luštica são Žanjic, Mirište e Rose.

Sveti Stefan – Uma ilha para sonhar

Sveti Stefan é o lugar mais fotografado de Montenegro. Talvez porque a gente goste de sonhar com aquilo que dificilmente podemos ter. Isso mesmo, Sveti Stefan é esse tipo de lugar. A menos que você possa pagar muitos e muitos dígitos por uma diária, a ilha é uma propriedade privada do luxuoso resort Aman. Mas uma espiadinha não dói, não é mesmo? Esse pedaço de sonho é uma incrível vila fortificada, dentro de uma ilha, conectada ao continente por uma estreita calçada. O local super fotogênico data do século XV e está cercado pelas águas azuis do mar Adriático. Ainda bem que sonhar não custa nada!

Uma cidade murada com casas de pedra
Um vale verde entre montanhas

Durmitor

Durmitor é uma enorme montanha que faz parte dos Alpes Dináricos. O pico mais alto é Bobotov Kuk, com de 2.523 metros de altura. Durmitor também o nome do Parque Nacional onde a montanha está localizada e, faz parte da lista de Patrimônio Mundial da UNESCO, desde 1980. A montanha de Durmitor é o centro do turismo de montanhismo e aventura de Montenegro que abrange principalmente aa região de Žabljak. Durante o inverno, as principais atividades em Durmitor são o esqui e o snowboard. Já no verão, as principais atrações são caminhadas ao ar livre e a prática do montanhismo. A região conta ainda com 18 lagos glaciais, sendo o Black Lake (Lago Negro), o mais conhecido.

Podgorica e Cetinje – As capitais

Podgorica é a capital do país, com aproximadamente 136.000 habitantes. A cidade também foi chamada de Titograd no passado, em homenagem a Josip Broz Tito, quando Montenegro fazia parte da República Federativa Socialista da Jugoslávia (SFRY). Podgorica reflete bem a história de Montenegro. Como um regime substituiu o outro, cada um deles deixou para trás suas próprias características arquitetônicas, influências gastronômicas e culturas. Formando um mix único que resultou no que o país é hoje. Por isso, ao passear pela capital você encontrará muita arquitetura turca e, ao mesmo tempo, o tradicional estilo europeu.

Uma ponte moderna com duas estradas
Um velho mosteiro de pedra
Cetinje é a antiga Capital Real de Montenegro. É também onde o presidente do país tem a residência oficial. A cidade tem hoje, cerca de 14.000, mas no passado era o centro da vida, cultura e religião ortodoxa montenegrina. As principais atrações para se visitar em Cetinje são o Mosteiro de Cetinje e a Igreja de Vlaška. A Caverna de Lipa a cerca de 5 km da cidade também vale a parada. A caverna é uma das maiores cavernas da ex-Jugoslávia. A entrada fica na aldeia de Lipa e termina nas montanhas, diretamente sobre o mar Adriático. Outro destino famoso na cidade é o Mausoléu de Petar II Petrović-Njegoš na montanha Lovćen. O mausoléu é acessível de carro de Cetinje e está dentro do Parque Nacional de Lovćen. O mausoléu está situado no Jezerski vrh (pico de Jezerski), a 1.660 metros de altura e é oficialmente o mausoléu mais alto do mundo.
Uma flor na erva
A praia e o mar
As colinas verdes
Árvores cobertas de neve

Temperaturas em Montenegro

O clima de Montenegro é considerado Mediterrâneo na costa, com fortes chuvas de setembro a abril. A primavera e o outono são as melhores épocas para quem prefere temperaturas mais amenas. Essas estações também são ideais para visitar as montanhas de bicicleta ou fazer trilhas e caminhadas ao ar livre. Durante o inverno, as temperaturas são bem frias com uma média de 7/8 °C em janeiro. Geralmente, não neva, exceto nas montanhas.

A Baía de Kotor está mais protegida e, portanto, tem temperaturas mais amenas. Mesmo assim, durante o inverno, as temperaturas caem de repente quando entra a Bura, o vento congelante que vem do interior. No verão, o país é perfeito para tomar sol e aproveitar o mar. Montenegro fica muito quente e ensolarado, mas ainda agradável devido a brisa do mar.

Fora do litoral, o clima é mais continental, com invernos mais frios, também devido à maior altitude. Já durante o verão fica muito quente e seco, e chega até a ser desconfortável às vezes, em cidades como a capital Podgorica.

O mar esquenta e fica agradável para nadar de julho a setembro. Já nos meses de junho e outubro mergulhe por sua conta e risco, e apenas se você for muito corajoso.

O prato de camarões
O prato de linguiças
O prato de frutos do mar
Figos cortados

Comidas típicas e bebidas de Montenegro

A culinária de Montenegro mistura-se com a dos países vizinhos. Há alguns pratos que você encontrará em todo a região dos Balcãs. E ainda bem, porque algumas dessas delícias merecem ser comidas mais de uma vez!

Algumas das especialidades do país são: Cicvara, farinha de milho cozida com kaymak. Kaymak é uma comida cremosa, semelhante a coalhada, feita a partir de leite de búfalo, vaca, ovelha ou cabra. E, por sorte, eles usam kaymak em muitos pratos por aqui. Kačamak, polenta com batatas, manteiga e kaymak, servida com leite frio, ou iogurte, geralmente no café da manhã. Banitsa, semelhante ao burek, preparado em diversas camadas e recheado com uma mistura de ovos batidos e pedaços de queijo e, depois, levados ao forno.

Muitos frutos do mar, especialmente na costa. Risoto negro, feito com tinta de lula. Buzara, camarão e mariscos cozidos em um delicioso molho de vinho, tomate e ervas, e servidos com fatias de pão. Calamares e lulas de todos os jeitos: fritas, cozidas, grelhadas… Gavice, peixes bem pequenos empanados e depois fritos. Pastrva, truta de água doce. Njeguski Steak, bife de porco recheado com kajmak e prosciutto. Normalmente servido com batatas fritas e legumes. Além disso, é claro, você também vai encontrar sopas, pães, feijão, saladas, batatas….

Sobremesas? Sim! Sim! Priganice, pequenas bolinhas de massa frita que são servidas com mel, geléia ou queijo (parecidas com os nossos bolinhos de chuva). Figos secos com nozes e mel. Oris na vareniku, pudim de arroz. Tulumba, semelhante ao churros no formato, embebido em xarope doce assim como a Baklava. E também Baklava, frutas, panquecas, sorvetes…

As bebidas mais comuns em Montenegro são as cervejas, a Niksicko é a mais tradicional. Sucos que normalmente não são naturais, mas se você tiver a chance de experimentar o suco de romã, eu super recomendo. Vinhos, o tinto mais famoso por aqui é o Vranac, mas há também o branco. E a amada rakija – bebida aperitiva com teor alcólico muito forte.

Sugestões de roteiros

Baía de Kotor

1 dia em Montenegro

Uma torre de pedra

5 Dias em Montenegro

Cidade murada de Dubrovnik

Montenegro e Croácia

O porto de Kotor

Informações úteis para a sua viagem a Montenegro

Localização – Montenegro é um estado soberano do Sudeste Europeu, que tornou-se independente apenas em 2006. No passado, o Montenegro fazia parte do Reino da Jugoslávia (1918) e, mais tarde, tornou-se parte da República Socialista Federal da Jugoslávia. Montenegro tem a costa do Mar Adriático e faz fronteira com a Croácia, Bósnia e Herzegovina, Sérvia, Kosovo e Albânia.

Língua oficial – A língua oficial no Montenegro é o montenegrino. Mas o sérvio, o bósnio, o albanês e o croata também são freqüentemente utilizados e compreendidos. Todas essas línguas, exceto o albanês, são mutuamente inteligíveis. Em locais turísticos, você encontrará falantes de inglês, especialmente entre os jovens.

Moeda Local – Montenegro não tem moeda própria. E, mesmo que o país ainda não seja parte da União Européia, eles usam o Euro como moeda oficial. Então, se você estiver viajando da Croácia, troque dinheiro antes.

Hora local – O fuso horário de Montenegro é CET e CEST durante o horário de verão.

Vistos e visas – O brasileiro portador de passaporte comum pode entrar no país sem visto e permanecer por até 90 dias.

Aeroportos – Montenegro tem 2 aeroportos internacionais: Podgorica e Tivat. Outra opção para aqueles que visitam o país é o aeroporto de Cilipi, localizado em Dubrovnik, na Croácia. Do aeroporto de Cilipi até a fronteira de Montenegro são apenas 16 km.

Distâncias das principais cidades da região: Kotor – Sarajevo, na Bósnia Herzegovina, (5 horas); Kotor – Dubrovnik, na Croácia (2 horas); Kotor – Budva (30 minutos); Kotor – Perast (20 minutos);

Números de emergência
Código do país +382
Emergência – 112
Polícia – 122
Bombeiros – 123
Ambulância – 124
Informações de trânsito – 134

Montenegro turismo – O segredo dos Balcãs was last modified: dezembro 3rd, 2018 by Marilia Oliveira

Pin It on Pinterest

Share This